Pipoca é um alimento feito a partir de uma variedade especial de milho, o milho-pipoca, que estoura quando aquecido. Ao aquecermos os grãos de maneira rápida, sua umidade interna é convertida em vapor. Num determinado ponto a pressão estoura a casca externa, transformando a parte interna numa massa de amidos e fibras.

O milho cultivado para a produção de pipoca é de uma variedade especial, com espigas menores que as do milho tradicional. Seus grãos podem aparecer em vários formatos (achatados, pontiagudos etc.) e cores (como amarelo, branco, rosa, roxo etc.). Apresenta, como característica, grãos pequenos contendo amido duro ou cristalino. Possui a propriedade de estourar quando submetido ao aquecimento, originando a popular pipoca.

A História da Pipoca

Os primeiros europeus que chegaram ao continente americano descreveram a pipoca, desconhecida para eles, como um salgado à base de milho usado pelos índios tanto como alimento quanto como enfeite para o cabelo. Sementes de milho usadas para fazer pipoca foram encontradas por arqueólogos não só no Peru, como também no atual Estado de Utah, nos Estados Unidos, o que sugere que ela fazia parte da alimentação de vários povos americanos.

Sabe-se, porém, que inicialmente os índios preparavam a pipoca com a espiga inteira sobre o fogo. Depois, eles passaram a colocar só os grãos sobre as brasas – até inventarem um método mais sofisticado: cozinhar o milho numa panela de barro com areia quente.

A pipoca já era vendida em feiras e parques nos Estados Unidos no século XIX. No fim desse período, surgiram os primeiros cinemas americanos, e, com eles, vieram os ambulantes e seus carrinhos com pipoca e guloseimas, mistura de pipoca, amendoim e açúcar queimado. No começo, os donos dos cinemas torciam o nariz e achavam que a pipoca distraía os espectadores dos filmes.

Durante a Grande Depressão, a pipoca era relativamente barata e se tornou popular. Assim, o negócio da pipoca prosperou e se tornou uma fonte de renda para alguns agricultores em dificuldades.

8 receitas de pipoca

Curiosidades sobre a Pipoca

  • O milho se transforma em pipoca porque os grãos de milho armazenam água na parte interna. Com o calor, essa água evapora, fazendo com que a casca do milho estoure e o grão se torne uma massa de amido e fibras — que é a pipoca.
  • A pipoca é feita a partir do milho para pipoca, que nasce em plantas menores e mais frágeis que as de milho comum.
  • A origem exata da pipoca é desconhecida. O que se sabe é que, muito antes de Colombo descobrir a América, os índios do norte do continente já comiam pipoca.
  • Há cerca de 7.300 anos, o milho já era cultivado no Golfo do México. No Peru, foram encontrados grãos milenares, porém conservados o suficiente para serem consumidos ainda hoje.
  • A palavra pipoca veio do tupi e quer dizer “milho rebentado”. Trata-se de uma contração de abati-pipoca, em que abati é justamente milho.
  • Primeira marca americana de pipocas, a Jolly Time surgiu em 1914, criada pela empresa American Pop Corn Company, localizada em Sioux City, Iowa. A empresa também criou o saquinho de pipoca, em 1924, especialmente para vender seu produto.
  • A pipoca de microondas apareceu na década de 1940. Só na década de 1990, sua produção gerava vendas anuais de 240 milhões de dólares nos Estados Unidos.
  • O Brasil tem o segundo mercado de pipocas de microondas do mundo, com um consumo de 70 mil toneladas anuais. Perde apenas para os Estados Unidos, onde são consumidas 400 mil toneladas no período.

8 receitas de pipoca pra comer com café passado na hora

1 – Receita de Pipoca Comum

Ingredientes:

1 colher (sopa) de óleo – ou manteiga, se preferir
3 colheres (sopa) de milho de pipoca
Sal a gosto

Modo de Preparo:

Deixe o óleo esquentar, acrescente o milho de pipoca e deixe estourar.
Sacuda a panela de vez em quando.
Coloque numa vasilha grande e acrescente o sal.

2 – Receita de Pipoca Caramelada

Ingredientes:

1/2 xicara de milho para pipoca
1 xicara de açúcar
Sal a gosto
1 colher (sopa) de manteiga
1 colher (chá rasa) de bicarbonato de sódio

Modo de preparo:

Prepare a pipoca normalmente.
Coloque as pipocas em uma assadeira grande e reserve, o sal pode ser adicionado na pipoca ou no caramelo.
Na mesma panela que estourou a pipoca faça o caramelo, adicione o açúcar, e deixe em fogo baixo. Você pode sacudir a panela, mas não mexa com colher; o caramelo pode açucarar.
Deixe o açúcar caramelar; não é necessário dissolver todo o açúcar.
Adicione a manteiga e misture por alguns segundos até que o açúcar fique derretido.
Adicione o bicarbonato e misture com cuidado; o caramelo vai borbulhar e aumentar o volume.
Imediatamente retire o caramelo do fogo e despeje sobre a pipoca, misturando rapidamente, ou você pode despejar a pipoca dentro da panela do caramelo e misturar.
Depois que a pipoca esfriar você pode quebrá-la em pedaços menores.
Coloque-a em um recipiente plástico bem tampado que ela ficará crocante por vários dias.

3 – Receita de Pipoca com Chocolate

Ingredientes:

1 xícara de milho de pipoca
3 colheres de achocolatado
Óleo

Modo de preparo:

Em uma panela coloque 1 dedo de óleo e misture o achocolatado.
Ligue o fogo alto e vá mexendo até que a pipoca comece a estourar.
Tampe a panela e deixe estourar tudo.

4 – Receita de Pipoca com Manteiga e Parmesão

Ingredientes:

1/2 xícara de milho para pipoca ou 1 pacote de pipoca para microondas sem sabor
3 colheres de sopa de manteiga sem sal
3 colheres de sopa de queijo parmesão ralado
Sal a gosto

Modo de preparo:

Faça a pipoca como de costume e coloque em uma tigela.
Em uma panela, derreta a manteiga até ela começar a espumar.
Retire do fogo e jogue sobre as pipocas.
Salpique com o queijo parmesão ralado e o sal.
Misture tudo e sua pipoca está pronta.

5 – Receita de Pipoca com Manteiga de Amendoim

Ingredientes:

2 pacotes de pipocas de microondas sem sabor
1/2 xícara de margarina
3/4 xícara de açúcar mascavo
1/4 xícara de manteiga de amemdoim
20 marshmallows

Modo de preparo:

Despeje a pipoca pronta em uma tigela grande.
Em uma panela misture a margarina, o açúcar mascavo e marshmallows.
Leve ao fogo baixo e vá mexendo até a mistura derreter.
Misture a manteiga de amendoim.
Despeje a mistura derretida sobre a pipoca e mexa rapidamente para revestir o milho antes que esfrie.
Experimente também a receita tradicional de pipoca doce.

6 – Receita de Pipoca com Chocolate Derretido

Ingredientes:

2 xícaras de milho para pipoca
1 pitada de sal
400 gramas de chocolate branco ou chocolate ao leite derretido
Chocolate granulado e confeitos coloridos

Modo de preparo:

Faça a pipoca como de costume e jogue uma pitada de sal sobre ela.
Em uma travessa de vidro misture delicadamente a pipoca com o chocolate derretido.
Salpique com chocolate granulado ou confeitos coloridos.
Sirva em potinhos individuais.

7 – Receita de Pipoca Apimentada

Ingredientes:

200 gramas de pipoca em grãos
30 gramas ou 1 colher de sopa de manteiga
1/2 colher de chá ou 3 gramas de curry

Modo de preparar:

Derreta a manteiga com sal no fogo baixo e, quando ela estiver mais líquida, acrescente alguma especiaria em pó, como pimenta-do-reino ou curry.
Depois, é só derramar a manteiga por cima da pipoca e misturar.

8 – Pipoca com Rapadura

Ingredientes:

200 gramas de milho de pipoca
50 gramas de rapadura ralada

Modo de preparar:

Estoure a pipoca normalmente.
Quando estiver pronta, coloque em uma vasilha e adoce com rapadura ralada e abafe.
Misture bem e sirva ainda quente.

Fontes:
http://www.mundoboaforma.com.br/
https://pt.wikipedia.org
http://vejasp.abril.com.br
http://guiadoscuriosos.com.br