Buscamos 10 coisas realmente confirmadas pela ciência que você precisa saber antes da próxima xícara de café. 

Cafeína, a substância psicoativa mais consumida no mundo, é o ingrediente mais conhecido do café. Os seus efeitos benéficos sobre o corpo humano tem sido pesquisado há décadas, mas logicamente está longe de terminar; aqui vai um pouco do que foi descoberto até o momento.

Lembre-se, procure sempre um médico!

Cafe e Saúde

Alguns estudos argumentam que descafeinado ou não o café pode ter os mesmos efeitos sobre a saúde; sugerem que não é a cafeína que é a grande responsável pela maioria dos benefícios.

10 coisas que você precisa saber antes da próxima xícara de café 🙂


cupcup

1 – Café aumenta o seu desempenho físico.

Tomar café antes do treino melhora o rendimento porque a cafeína tem efeito estimulante no cérebro, aumentando a disposição e a dedicação para treinar. Ela atua aumentando a força muscular e diminuindo a fadiga no pós treino, que é a sensação de cansaço e exaustão. Para atletas e praticantes de atividade física com o hábito de tomar 2 xícaras de café diariamente.


cupcup

2 – Café ajuda a queimar gordura.

Para queimarmos gordura, primeiro a célula de gordura deve quebrar a gordura e, em seguida, esta deve ser levada para a corrente sanguínea. Os compostos ativos do café podem ajudar neste processo, aumentando os efeitos de alguns hormônios de queima de gordura.


cupcup

3 – Café ajuda a se concentrar e ficar alerta.

Ingestão moderada de cafeína (1 a 4 xícaras por dia) melhora a sua agilidade mental. A cafeína bloqueia a adenosina, uma das substâncias que levam seu corpo a dormir.


cupcup

4 – Café reduz risco de morte.

Estudo publicado revelou que beber ao menos quatro xícaras de café por dia reduz o risco de morte prematura por doenças cardíacas, cerebrais e diabetes. As informações são do site da revista Times.  Os pesquisadores acompanharam 208.500 pessoas ao longo de 30 anos.

Os voluntários tiveram que responder sobre seus hábitos de saúde e alimentares e qual era seu consumo de café. As perguntas eram repetidas a cada quatro anos.

Porém, os resultados não puderam confirmar se o café está diretamente ligado a uma vida mais longa, mas os cientistas afirmaram que seus compostos são conhecidos por ajudar a reduzir a resistência à insulina ou inflamação, o que pode resultar em uma saúde melhor.


cupcup

5 – Café reduz risco de câncer.

Após diferentes estudos feitos com o café, para observar o seu efeito sobre o câncer, os principais resultados são:

  • Câncer de próstata: as substâncias do café afetam o metabolismo da glicose e da insulina, assim como a produção de hormonais sexuais, que são os principais fatores no desenvolvimento deste tipo de câncer. Para reduzir até 60% as chances de ter câncer de próstata é recomendado beber, pelo menos, 6 xícaras de café por dia.
  • Câncer de mama: o café altera o metabolismo de alguns hormônios femininos, eliminando produtos cancerígenos. Além disso, a caféina parece dificultar o crescimento de células cancerígenas na mama. A maioria dos resultados foram encontrados em mulheres que tomam mais de 3 xícaras de café por dia.
  • Câncer de pele: em diferentes estudos o café está diretamente relacionado com a diminuição do risco de desenvolcer melanoma, o tipo mais grave de câncer de pele. Quanto maior a ingestão de café, menores parecem ser as chances de ter câncer na pele.
  • Câncer de cólon: neste tipo, o café melhora as chances de cura em pacientes que já desenvolveram o câncer e evita que os  tumores voltem a surgir após o tratamento. Para obter estes benefícios deve-se ingerir, pelo menos, 2 xícaras de café por dia.

Independentemente do tipo de câncer, o café não é uma substância com eficácia completamente comprovada, sendo que o seu efeito é muito reduzido quando existem outros fatores de risco como ter histórico de câncer na família, ser fumante ou consumir bebidas alcoólicas em excesso. Consulte um médico!


cupcup

6 – Café reduz risco de derrame.

Café pode ajudar a reduzir o risco de uma pessoa sofrer um acidente vascular cerebral (AVC). A pesquisa mostrou, por exemplo, que beber uma xícara de café por dia já é suficiente para diminuir em 20% a chance de derrame cerebral. O trabalho completo foi publicado no periódico Stroke da Associação Americana do Coração.


cupcup

7 – Café reduz o risco de doença de Parkinson.

Isso é o que sugere estudo realizado pela Universidade do Porto, em Portugal. Os pesquisadores concluíram que a ingestão diária de duas a três xícaras da bebida pode diminuir em 25% o risco de desenvolver a doença de Parkinson. As mulheres são menos beneficiadas, têm o risco reduzido em apenas 14%.


cupcup

8 – Café protege seu corpo.

Esse poder do café foi descoberto pelo químico Silvio José Valadão, que dá aulas na graduação em Engenharia Química e pós-graduação em Sustentabilidade na Universidade Santa Cecília (Unisanta). Ele ficou três anos estudando a composição do café e descobriu que a bebida era capaz de aumentar o número de enzimas que combatem os radicais livres, substâncias agressivas que começam a atacar todas as moléculas sadias e causar doenças sérias como câncer, alzheimer, parkinson, catarata e diabetes.


cupcup

9 – Café pode reduzir risco de diabetes do tipo II.

Aumentar em uma xícara e meia o consumo de café em um período de quatro anos ajuda a reduzir em 11% o risco de diabetes, revelou estudo publicado na revista “Diabetologia”, da Associação Europeia para o Estudo da Diabetes.

 …

cupcup

10 – Café melhora o humor e ajuda a combater a depressão.

O consumo diário de 4 xícaras de café pode ajudar a prevenir a depressão e o suicídio, segundo estudos efetuados em mais de 200.000 pessoas, por um período de dez anos, por dois grandes centros de pesquisa nos Estados Unidos (Califórnia e Boston), dados obtidos a partir dos anos 80 entre jovens escolares brasileiros (ABIC).


Lembre-se, beba sempre cafés de boa qualidade! Consulte um médico!
Se você gostou de ler este artigo, por favor, deixe sua opinião e compartilhe com seus amigos! 🙂