Descubra como preparar o café em casa usando filtro de papel

Ninventora-do-filtro-de-papel-para-cafeo início de 1900, Melissa Bentz, uma dona de casa alemã que andava cansada de lavar os coadores de pano, resolveu dobrar um pedaço de papel borrão, colocar o pó de café e derramar a água sobre ele, criando assim o primeiro filtro de café de papel.

O coador de pano é a forma de preparo mais tradicional; o café fica mais encorpado, já que os poros do coador de pano são mais abertos que os do filtro de papel. O coador também pode ser utilizado várias vezes, até ser preciso trocá-lo.

Também são necessários certos cuidados na preservação do coador de pano, para que ele não prejudique o sabor final do café. Um deles está em mantê-lo guardado num recipiente fechado, com água filtrada e dentro da geladeira.

Hoje, o filtro de papel é o método favorito de se fazer café para quem não gosta ou não tem muito tempo para lavar louça e para aqueles que simplesmente buscam praticidade e rapidez.

O filtro de papel além de prático, possui trama fechada e apresenta maior retenção na filtragem. O resultado é um café mais brilhante e menos encorpado, se comparado, na mesma proporção, com o preparado no coador.

O filtro de café de papel é perfeitamente seguro e não há necessidade de mudança, se este já for o seu preferido. Se não está usando ainda, agora sabe que é uma ótima opção para o dia a dia.

O mais importante é comprar um filtro de papel de qualidade, com tamanho adequado para o seu propósito e claro, um ótimo café.

Filtro de Papel, como preparar o seu café

O bom café não é apenas aquele tirado na máquina de expresso ou no coador de pano. Em casa, com o coador de papel, é possível fazer um ótimo café. Siga as dicas de quem entende do assunto, a ABIC (Associação Brasileira das Indústrias de Café).

Como preparar o café no filtro de papel

01 – Use cafés com moagem média ou fina.

02 – Utilize uma medida padrão para a quantidade de pó. Recomenda-se de 80 g a 100 g de pó (cinco a seis colheres de sopa) para um litro de bebida. É bom experimentar até acertar o ponto que mais lhe agrada.

03 – Coloque o pó no filtro, espalhando-o uniformemente. Não compacte nem aperte a camada de café.

04 – A água utilizada deve ser pura e limpa. Use sempre água filtrada ou mineral para preparar o café.

05 – Imediatamente antes da fervura (90º C), despeje a água sobre o pó, umedecendo-o todo. Mas não ponha toda a água de uma vez. Comece molhando o pó de café das beiradas para o centro do coador. Em seguida, despeje a água lentamente (em fio) bem no centro do filtro. Não use colher para misturar.

06 – Quanto mais lentamente despejar a água, mais escuro resultará o café. Entretanto não exceda 4 a 6 minutos, para que a extração excessiva não torne o café amargo.

07 – Para um café bem quente, escalde o bule ou garrafa térmica pouco antes de fazer o café.

08 – Não passe a bebida novamente pelo café esgotado porque ela ficará amarga e com sabor desagradável.

09 – A preparação em cafeteiras elétricas utiliza o mesmo tipo de café e as mesmas medidas. Para fazer quantidades grandes (mais de 12 xícaras pequenas), o longo tempo de preparo pode resultar em sabor amargo. Se precisar, faça menos xícaras por vez.

 

Visite nossa loja

Guia do Café Expresso

Visite nosso Blog

Siga nossa página no facebook

Siga nosso grupo Eu Adoro Café

Envie sua receita!

Veja também!