Torra do café, os pontos e as técnicas para você fazer em casa. Você sabia que o aroma e o sabor de um café são definidos no momento da torra?

É a partir da torra do café que muitos compostos químicos determinantes dessas características são formados.

 

Torra do café, os pontos e as técnicas

 

A torrefação é um dos estágios finais da produção do café e, podemos dizer, é a marca registrada dos produtores.

É ela que determina a qualidade e o tipo da bebida que chega às xícaras. Sem contar, claro, as características naturais dos grãos, que influenciam muito no processo.

A torra traz o aroma e o sabor da bebida na xícara.

Os defeitos do café cru surgem justamente nesse processo: os grãos verdes tornam-se amarelados; os pretos, carbonizados; e os quebrados, as conchas e os mal granados ficam escuros.

O café em grão verde não tem aroma e possui sabor amargo. É o aquecimento na torra que o torna agradável.

Na torra, o café perde peso e aumenta de volume. A equação entre tempo e temperatura de torra é o que vai definir as características da bebida.

 

Os pontos de torra do café para você fazer em casa

 

Torra do café varia de país para país

 

No Brasil, prefere-se uma torra moderadamente escura a médio claro. Na Itália, o gosto varia de região para região.

Na Dinamarca e na Noruega, prefere-se a cor de chocolate sem óleo na superfície.

A torra acentuada é muito usada para esconder as impurezas em cafés de baixa qualidade.

O grau da torra também pode ocultar alterações nos grãos.

Cor muito escura pode indicar que cascas, paus, terra e outras coisas foram torrados com os grãos de café.

 

Torra do café e alterações no sabor

 

A temperatura da torra relaciona-se à intensidade dos aromas formados no processo, ao grau de acidez e amargor e ao corpo.

A acidez é um dos principais atributos do café; quanto mais escura a torra, menos ácida é a bebida.

O corpo é a sensação pesada que fica na boca quando bebemos um café:

  • Quando se aproxima da torra média para a marrom-escura, o café fica mais encorpado.
  • Ao passar para a torra bem escura, perde corpo.

O aroma é menos pronunciado em torra mais leve; atinge o pico de intensidade em torras média e média-escura e se perde em torras muito escuras.

 

Concluímos então que:

  1. Quanto mais torrado e escuro, menos aroma e sabor mais amargo o café vai ter.
  2. O tempo de torra também define sabor e cremosidade ao café.
  3. Um tempo mais longo, por exemplo, evidencia o corpo e o sabor.
  4. Aumentar a temperatura durante a torrefação aumenta a doçura.

 

Cores da torra do café

 

4 formas de torrar café em casa sem complicação

 

Quem adora café está sempre buscando novidades para incrementar o seu cafezinho de todo dia.

Há muito tempo atrás, torrar café em casa já foi um costume comum, no entanto, com a industrialização ficou fácil comprar café em mercearias e supermercados.

Mas talvez valha a pena experimentar para quem deseja tornar o café passado na hora ainda mais especial.

Existem várias maneiras para se torrar o café em casa e, ao contrário do que muitos imaginam, nem sempre é preciso ter um equipamento especial para isso.

Existem equipamentos específicos para realizar a torra dos grãos de café em casa, mas para boa parte dos amantes da bebida, o investimento não oferece um bom custo-benefício.

Mas não é preciso gastar muito para experimentar de maneira amadora o processo de torrefação: existem técnicas simples ao alcance de todos.

 

Torrar Café na Pipoqueira Elétrica

 

Até mesmo os modelos mais simples de pipoqueiras elétricas oferecem bons resultados para a torra do café em casa.

O segredo é utilizar uma pequena quantidade de grãos crus, que devem ser colocados no recipiente destinado ao milho.

Quanto menor for a quantidade de café utilizada, maior é a qualidade da torra.

Torrar Café no Forno Convencional

 

Para realizar a torra no forno é necessário utilizar uma assadeira alta com pequenos furos em sua base.

Eles devem ser pequenos o suficiente para que os grãos não passem pela assadeira, mas ao mesmo tempo grandes o suficiente permitir a passagem do ar quente.

É importante também que os grãos não se sobreponham e formem uma única camada.

Esse processo para torrar café em casa demora entre 15 a 20 minutos com o forno em temperatura próxima a 230ºC.

 

Torrar Café na Bolinha

 

Em alguns mercados mais tradicionais, tipo armazém,  ou na zona rural é possível encontrar o torrador de café tipo bola, ou “a bolinha”.

Que pode ser utilizado para torrar seu café no fogão a gás, fogão a lenha, na churrasqueira ou outros tipos de chama direta.

O ideal é manter a bolinha sempre rodando para assim obter uma torra caseira mais homogênea.

 

Torrar café em casa, técnicas e pontos de torra

 

Torrar Café no fogão

 

Os modelos antigos de pipoqueira, que eram utilizados na boca do fogão, podem ser adaptados para torrar café em casa.

O processo é o mesmo do preparo da pipoca: os grãos devem ser colocados na panela sobre a chama do fogão, e a manivela deve ser girada constantemente para que o café não queime.

 

Dicas Importantes Para Torrar Café em Casa

 

Você já notou que realizar a torra do café em casa é um processo extremamente simples, mas existem alguns truques para obter sempre o melhor resultado.

 

  • Use grãos de café crus de boa qualidade.
  • Torre o café em pequenas quantidades.
  • Fique atento ao aroma dos grãos quando aquecidos.
  • Acompanhe o processo de torra e verifique a coloração do café.
  • O castanho claro resulta em um café pouco encorpado.
  • O castanho médio apresenta boa doçura e aroma agradável.
  • O castanho escuro prepara um café mais encorpado, bom para café expresso.
  • O preto resulta em um café amargo e queimado.
  • Deixe o café descansar antes do preparo da bebida.
  • Aguarde até que os grãos esfriem completamente antes de proceder com a moagem.
  • Quando começar a torrar, os grãos devem produzir sons de estalos (como no preparo da pipoca), devido à perda de água.
  • Nesse momento é necessário redobrar a atenção e acompanhar a coloração e o aroma dos grãos até que atinjam o resultado desejado.

 

Torrar café em casa pode se tornar um ritual divertido e agradável, seja para degustar uma xícara de café sozinho ou para impressionar os amigos e familiares ao preparar a bebida.

 

De qualquer maneira, experimentar e aprimorar o processo de torra é garantia de um café delicioso todos os dias!

 

Fonte: livro “Guia do Barista – da origem do café ao expresso perfeito”, de Edgard Bressani

Como agilizar o café da manhã em família.

Aprenda a torrar o café em casa sem complicação.

Receitas de Café.

Acompanhe nossa página no Facebook!

Acompanhe nosso grupo Eu Adoro Café!

Envie sua receita!

 

Torra do café, os pontos e as técnicas para você fazer em casa

 

 

 

Veja também!